16 de set de 2010

CHÁVEZ-FIDEL Passos largos à ruína



Hugo Chávez e Fidel Castro/AP
A aliança Chávez-Fidel garante à Venezuela a manutenção de um dos pilares do governo que são os programas sociais chamados "missões", nos quais atuam milhares de médicos, educadores e técnicos cubanos nas áreas de saúde, educação e agricultura.
Em contrapartida, Cuba recebe pagamento em petróleo e derivados, o que tem dado um novo impulso para a economia da ilha nos últimos anos, de acordo com analistas.

. . .

Cada vez mais fica evidente que a política social de Cuba apenas democratiza a miséria. Parece-me que Cuba está assumindo, de modo forçado, um papel capitalista, ainda que disfarçadamente (para estabilizar e atenuar a crise), enquanto a Venezuela se inspira no modelo utópico fidelcastriano.
Ideologia sem análise é uma grande candidata à ruína.

Moisés Lourenço

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seguidores